segunda-feira, 29 de abril de 2019

Design Gráfico foca o socioambiental e projeta reposicionamento de marca


Desafio foi a palavra do mês de abril para a turma de Design Gráfico da tarde. O educador Renan Trindade lançou um problema à turma que precisava ser resolvido com soluções criativas e um design diferenciado.


O objetivo era fazer um reposicionamento de mercado para marca de roupas Nike. O projeto fictício era de que a marca está com uma nova abordagem focando no socioambiental e para isso uma nova campanha de design se faria necessário.


Os educandos pensaram desde o planejamento das estratégias para a campanha até a criação de novos modelos de tênis, camisetas, mídias sociais e toda papelaria.


Segundo salienta o educador Renan, o resultado foi um olhar muito mais humano para a marca que faz parte do nosso dia a dia, mas que nunca paramos para pensar qual o posicionamento da marca e o que todas as marcas que consumimos representam para comunidade em que estamos inseridos.

sexta-feira, 26 de abril de 2019

Trabalho Educativo realiza atividade especial de Páscoa



Os educandos do Trabalho Educativo Artesanato realizaram uma atividade especial no dia 17/04.  Depois de uma conversa com a educadora Andréa Fadini sobre o verdadeiro significado e símbolos da Páscoa, decoraram ovos de plástico com lantejoulas e tintas.


A arte, a criatividade e o bom gosto de cada educando ficou marcado em cada peça decorada com muito carinho e amor, já que serão distribuídos com jujubas dentro para educandos do SCFV e Educação Integral. O objetivo foi demostrar o quanto é importante ter empatia e nunca pensar só em si.

Educandos do Calábria assistem filme Esportivo relacionado ao Vôlei



Educandos do Trabalho Educativo e Educação Integral assistiram ao filme “Uma Razão para Vencer” O filme mostra a história da equipe de Vôlei West e sua improvável corrida para o campeonato estadual sobre a orientação da treinadora Kathy, que após a morte da sua melhor atleta tiveram que se unir para a disputa do campeonato estadual.


Ao termino do filme a educadora de Educação Física Thais Oliveira proporcionou junto aos educandos   uma pequena roda de conversa, já que o filme se trata do esporte que os educandos estão trabalhando este mês que é Voleibol, e também trazer para vida real alguns fatos que ocorreram no time e que ocorrem em nossas aulas, assim promovendo reflexão, motivação, e desenvolvimento crítico dos nossos educandos.


Palestra especial traz costumes e cultura do Paraguai para educandos


Os alunos do Trabalho Educativo juntamente com a educadora Laís Kussler estão expandindo seu conhecimento sobre a América Latina e especialmente os países que circundam o Brasil por meio de atividades variadas.


Uma destas atividades consistiu em conhecer os mapas do Rio Grande do Sul e do Brasil, identificar os estados, as capitais e os países com que fazemos fronteira.


A outra atividade teve como objetivo aprofundar o conhecimento linguístico e cultural do Paraguai. Para isso foi convidado o Irmão Dário, paraguaio que mora no Brasil há 5 anos e que integra o Instituto Pobres Servos da Divina Providência. 


Ele apresentou vídeos e contou sobre o cotidiano e os costumes dos paraguaios, desfez estereótipos que normalmente possuímos sobre esse país e ensinou aos alunos algumas palavras na língua guarani como: "Che Rohayhu, Paraguay" que quer dizer: eu te amo, Paraguai. Foi uma ótima oportunidade para os alunos descobrirem outras realidades tão ricas quanto a nossa.

quinta-feira, 25 de abril de 2019

Multimídia realiza exercícios de imaginação para estimular a criatividade


Pense no canto de uma baleia. Agora no voo de um beija-flor. Um urso panda dançando ballet? Baiano tomando chimarrão? Pulgas adestradas fazendo abdominal? Essas foram algumas das frases utilizadas no curso de Design de Multimídias para estimular a criatividade dos educandos.


Utilizando frases da música "Imaginação" de André Abujamra, os alunos foram orientados a imaginar cada situação que aparecia nos versos. Em determinadas frases, a sentença era apresentada aos poucos para dar uma sensação de reconstrução do imaginado, por exemplo: "um elefante", depois acrescentou-se a palavra "dourado", em seguida, "de pijama" e por fim "voando no céu". A cada etapa, o objeto imaginado mudava de contexto, cor ou situação em que se encontrava. 



Após todas as frases serem apresentadas, a atividade foi de desenhar aquilo que lembrou das situações. O objetivo foi exercitar a memória sem consultar a internet e desenhar livremente, podendo trocar informações com os colegas para completar os desenhos. Depois que todos desenharam fez-se um círculo para compartilhar o que foi feito. Cada um passava seu desenho para o colega do lado, assim todos viram as criações de todos. 


Para completar o exercício de imaginação, os alunos, de forma individual, em duplas ou trios, tiveram que representar cada uma das frases da música. Sem contar para os colegas qual frase havia sido atribuída para si, criaram cenas, histórias, personagem e outros artifícios para a representação. A atividade como um todo trabalhou a criatividade, a imaginação, a memória e a capacidade de retransmitir informações através da encenação.


quarta-feira, 24 de abril de 2019

Educandos assistem o filme “Preciosa”



No último dia 18, os educandos do Trabalho Educativo assistiram ao filme "Preciosa - Uma história de esperança", obra que recebeu seis indicações ao Oscar em 2010.
De acordo com os educadores Laís e Jorge este filme foi escolhido porque apresenta a história de uma adolescente que passa por diversas situações de violência ao longo da sua vida e com a ajuda de uma professora descobre na escrita uma ferramenta para lidar com suas experiências. A mensagem do filme é de que a educação é um caminho chave para a emancipação, destaca a educadora Laís.


Escrita Cuneiforme, uma experiência didática divertida

De acordo com a temática do mês de abril, onde os desenvolvimentos das inteligências linguísticas são usados como base para o nosso trabalho, convidamos os alunos da educação integral a conhecer a história da escrita. Para isso, voltamos alguns anos no tempo e apresentamos para eles uma das primeiras formas de manifestação de escrita existentes, a Escrita Cuneiforme.

Desenvolvida pelo povo Sumério por volta de 3.200 a.C, esta forma de escrita ficou conhecida por registrar as primeiras anotações comerciais. Esses registros eram feitos através de desenhos (pictogramas) que representavam alguma ideia ou conceito, e eram gravados em placas de argila através de uma ferramenta chamada cunha, onde a retirada do excesso de argila dava forma ao desenho simbólico. 


Para trabalhar de forma didática e divertida, esse modelo de escrita foi desenvolvido com nossos alunos de maneira muito simular ao que era executado na época. Os educandos foram convidados a criar uma história através de símbolos e transpor para uma placa de argila.  A atividade foi desenvolvida de maneira muito divertida, onde trabalharam também um poema de Paulo Leminski. 


Segundo a educadora Karine Buglione, “O trabalho com argila é excelente para o desenvolvimento do processo artístico das crianças, pois o material é bastante maleável facilitando a modelação. Outro benefício está na questão terapêutica, pois o trabalho com argila proporciona o contato com a terra que é um excelente renovador de energias”.
O resultado foram placas cuneiformes muito criativas e bem desenvolvidas. Confira fotos do trabalho realizado:

“O barro toma a forma
Que você quiser
Você nem sabe
Está fazendo
Apenas
O que o barro quer.”
Paulo Leminski

A pré-história através do olhar da educação integral

No mês das linguagens, os educandos do Calábria fizeram uma viagem no tempo e descobriram alguns dos mistérios da Pré-História.  Com o objetivo de explorar a evolução da linguagem e entender os acontecimentos que antecederam a nossa época, os alunos foram convidados a conhecer um pouco dessas belezas artísticas, como os incríveis desenhos rupestres localizados nas cavernas Lascaux na França e Altamira na Espanha. 


Os desenhos dessas cavernas serviram de inspiração para nossos educandos, proporcionando a eles uma experiência rica em cultura e beleza. Nas atividades os jovens reproduziram os desenhos rupestres, usando como material giz de cera nos tons da terra.
Sobre os desenhos pré-históricos, é importante ressaltar que os mesmos podem ser considerados como uma das mais importantes descobertas da história, não podendo ser excluída dos conteúdos programáticos pois os mesmos demostram a nossa evolução e representam a vida dos nossos antepassados. 

  
Segundo a educadora Karine Buglione, o acesso as artes primitivas são necessárias para a introdução teórica artística, pois não existe faixa etária mínima para estimular a curiosidade sobre o assunto. A história da arte pode ser trabalhada de maneira simples e lúdica, facilitando o entendimento dos educandos e contribuindo para a evolução cultural das crianças. 

Páscoa no Trabalho Educativo



Uma das datas mais especiais da Oficina Lanches Rápidos é a Páscoa, um momento em que o educador Jorge Ortis possibilita aos seus educandos a oportunidade de confeccionar os ovos de chocolate, ensinando as principais técnicas de trabalho com chocolate, como a temperagem e variação de recheios que possibilitam agregar valores a mais no produto.


 Para aqueles que pensam em ter uma renda extra, os ensinamentos são uma ótima pedida, já que ovos de páscoa caseiros podem ser até 20% mais baratos que os ovos de marcas famosas, afirma o educador.  Confira fotos do belo trabalho realizado pelo educador e pelos alunos do Trabalho Educativo: 

terça-feira, 23 de abril de 2019

Alunos da Padaria produzem receita clássica da confeitaria


No mês de abril, os alunos do curso de Panificação Básica (manhã) fizeram a produção de doces tradicionais da confeitaria. Acompanhados pela educadora Cristina Balbueno, produziram os famosos mil folhas.


Originário da França, o doce é composto originalmente por três camadas de massa folhada intercalada com creme e coberta com açúcar de confeiteiro. Atualmente é encontrado em muitas versões, que foram criadas ao longo do tempo em diversos países. 


No Brasil, também existem variações nos sabores, sendo mais tradicional o mil folhas de creme de baunilha coberto com açúcar de confeiteiro. A receita possui um grau de dificuldades elevado devido a massa folhada que requer alguns cuidados no seu preparo.



 A temperatura do ambiente de trabalho da massa deve ser sempre a mais baixa possível. O recheio utilizado em suas receitas deve ser sempre frio e consistente. Recomenda-se utilizar o forno pré-aquecido na temperatura de 180 a 200ºC.

Os franceses utilizam a clássica manteiga, já os confeiteiros da atualidade preferem processos mais modernos e optam pela margarina desenvolvida especialmente para esse fim. O mil folhas pode ser encontrado em confeitarias, cafeterias, casas de chás e Padarias pelo mudo inteiro.

Mês do Voleibol nas práticas de Educação Física


Os educandos do SCFV e Educação Integral iniciam suas práticas de voleibol neste mês de abril. Segundo a professora Thais Oliveira de educação física, o vôlei é uma das modalidades mais requisitadas por seus educandos.


O esporte vai além das táticas, das regras, do passe, da manchete, pois o voleibol além de ser uma atividade coletiva que estimula a interação social e trabalho em equipe. Ao mesmo tempo que se divertem, os educandos melhoram a cognição, coordenação motora, aumentam a força e resistência, entre outros benefícios da prática do esporte. 


Ainda ressalta a educadora que os educandos vão ter o privilégio de ter durante o mês, aulas práticas, rodas de conversas e pesquisas sobre a modalidade, além de campeonatos e torneios que virão durante o ano.


“O esporte tem a força de mudar o mundo, tem o poder de inspirar, tem o poder de unir pessoas de um jeito que poucas coisas conseguem” Autor: Nelson Mandela 

Quindim e seus encantos



O educador Jorge Ortis apresentou uma deliciosa atividade para seus educandos do Trabalho Educativo Lanches Rápidos. Uma simples receita de Quindim teve o intuito de demonstrar aos educandos a reação da receita e suas propriedades, na qual o ingrediente principal é o ovo.


Para dar um toque delicioso, se faz necessário o açúcar e coco. Finalizando como se monta cada quindim até o seu tempo de cozimento. O objetivo desta atividade foi trazer aos educandos de que de uma simples receita podemos elaborar sabores indescritíveis e trabalhar a motricidade.