sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Turma do Artesanato participa de Feira das Profissões e Mostra Cultural


Os educandos do Trabalho Educativo Artesanato tiveram a oportunidade de participar e expor seus trabalhos artesanais na 4° Feira das Profissões e Mostra Cultural no CPIJ. A integração com outros educandos é muito importante para o crescimento deles, na opinião dos educandos, a feira trouxe uma visão da importância de pensar no amanhã, na tecnologia, na arte entre outras coisas.


Semana das crianças no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Na semana da criança, a educadora Marisol Ribeiro proporcionou atividades divertidas e diferentes aos educandos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.
Os educandos vivenciaram atividades lúdicas como Pula corda, Relóginho, Esconde-esconde, Pega-pega, Elefante colorido e outras.


Além das atividades ao ar livre, como pracinha, também descontraíram ao som de músicas escolhidas pelas crianças dentro do contexto infantil. Dentro das oficinas e atividades, houve teatro ao ar livre e lanche coletivo.


A semana das crianças foi um momento de alegrias e encantos pela infância, e os educandos tiveram um ótimo aproveitamento de tudo que lhes foi proporcionado com entusiasmo e respeito.

Educandos desenvolvem espírito de equipe e fraternidade


Para celebrar o nascimento de Calábria, os educandos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos preparam-se para participar da Gincana Calabriana, que ocorrerá dia 22 de outubro. Nomeados de Equipe Honestidade, os educandos compõem rimas e gritos de guerra; ensaiam uma peça teatral; preparam cenário, vestimentas e bandeira da equipe; e inúmeras outras atividades comemorativas. 


A educadora Thamires Aragão destaca “não se trata apenas de buscar a vitória, mas sim sobre aprender a trabalhar em equipe. É importante para os jovens se enxergarem como um time, em que apoiarem-se uns aos outros e cooperarem para o crescimento.” 

   

“Durante o mês de outubro, a Instituição festeja o aniversário de São João Calábria. Além de celebrarmos a vida, pregamos valores como a união, o afeto e a amizade. O espírito de alegria se espalha pelos corredores do Calábria. Ouvimos cantorias e gritos de guerra, dançamos, sorrimos e trabalhamos em equipe com a finalidade de propagar os ensinamentos do criador da Obra”, finaliza a educadora Thamires.


Educandos do SCFV preparam para a Gincana Calabriana


Durante o mês de outubro, os educandos foram motivados a conhecer a história de São João Calábria e suas obras, e entre as atividades propostas foram realizados trabalhos para a participação da Gincana Calabriana.


A educadora Marisol Ribeiro, com a ajuda dos educandos, desenvolveu o figurino para a encenação da vida de São João Calábria. O empenho dos educandos foi grande em criar e produzir materiais para esse dia especial.


Com o objetivo de desenvolver autonomia e criatividade foram realizados trabalhos manuais com pintura, montagem e desenhos.


“Os educandos estão aguardando com alegria e motivação para mostrarem tudo que aprenderam com a Pedagogia calabriana, a educadora alegrou se muito com o interesse mútuo da turma em relação a atividade concretizada”, afirma Marisol Ribeiro.

Jovens do Trabalho Educativo Informática procuram formas geométricas no Calábria.


Em uma atividade orientada pelo Post. Ruan Araújo e a educadora Thais Rocha, os educandos do Trabalho Educativo Informática inicialmente tiveram uma revisão sobre as principais figuras geométricas planas (triângulo, circulo, trapézio, quadrado, losango, retângulo) e espaciais (cone, cubo, cilindro).


Logo em seguida foram desafiados a procurar essas figuras em objetos, portas, construções, carros e etc.


No final os educandos tiveram que usar a criatividade e a imaginação para fazer um desenho utilizando as figuras geométricas.


“Normalmente o ensino de matemática se torna cansativo para os jovens mas esse modo de aprender tornou-se bem divertido e todos perceberam que a matemática vai muito além da sala de aula e faz parte do nosso cotidiano”, comenta a educadora Thais Rocha.

Clube de aprendizagem no educação integral


O clube de aprendizagem, ministrado pela a educadora Alana Gonçalves, tem por objetivo aprofundar conteúdo específicos e, assim, ajudar a suprir algumas dificuldades que os educandos apresentam.


Na primeira aula, os educandos apontaram quais as suas dificuldades com o português e a educadora explicou como funcionaria o clube. O clube será formado por até seis educandos, e eles irão trazendo as suas dúvidas e dificuldades para que sejam sanadas.


A educadora fez um jogo com os educandos. Separados em dois grupos, a Alana dava uma palavra para os educandos e eles deveriam falar o número de vogais, de consoantes e o total de sílabas. O grupo que menos errasse, seria o vencedor.


Maquete como meio de aprendizagem



Em parceria com curso profissionalizantes da marcenaria e Trabalho Educativo Artesanato, o educador Jorge Ortis do Trabalho Educativo de Lanches Rápidos desenvolveu uma maquete de um boi, todo trabalhado em madeira e pintado a mão, sendo que um dos lados terá como objetivo o aprendizado na identificação do corte das carnes, e outro lado servirá em atividades de tiro de laço realizado especialmente durante a semana farroupilha no galpão dos piquetes dos projetos sócias nos próximos anos.


Ao irmos ao açougue nos deparamos com uma grande variedade de carnes e esta lista se torna ainda maior quando pensamos o que vamos preparar. Seja num almoço rotineiro ou em um churrasco com a família. Por isso, é importante conhecermos os nomes e qual parte do boi se extrai os cortes das carnes.

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Educandos da Marcenaria trabalham sobre cidadania


No último dia 16, educandos do curso de qualificação profissional de Marcenaria do Calábria realizaram atividade sobre cidadania, direitos e deveres na atividade de Temas Transversais, sob supervisão da educadora Simone Hugo.


Os educandos trabalharam sobre a importância da consciência cidadã, direitos políticos, civis e sociais. Debate, reflexão e dinâmica sobre o a responsabilidade cidadã, as conquistas já alcançadas pela sociedade e a importância do voto consciente foram temas também abordados.


O objetivo é abordar com os educandos sobre o pertencimento da cidadania e que somos sujeitos de direitos e deveres na sociedade, trazendo também a reflexão sobre a política no quadro atual e os nossos direitos de cidadãos.


Educandos do Calábria prestigiam peça teatral “Noite Sem Fim”



Os educandos do projeto Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (6 aos 15 anos), no dia 10 de outubro de 2018, foram convidados a prestigiar a peça teatral Noite Sem Fim, elaborada pelos educandos e educadora Thais Brum da Instituição Marista CMJU. 


A peça transmitiu uma mensagem de união, coletividade, responsabilidade dos nossos atos em meio nossas escolhas através de danças e muita descontração.
“Além de fortalecermos os vínculos aproximando as parceiras, fomos surpreendidos com um elenco criativo e protagonista, impulsionando nossos educandos a acreditar cada vez mais no seu potencial”, comenta a supervisora educacional Andrea Ramires.


Momento de Integração com novos educandos


No dia 16 de outubro aconteceu o MINE, nomenclatura para a acolhida mensal dos novos educandos dos projetos sociais do Centro de Cuidados do Calábria, ministrado pela orientadora educacional Lia Hausen.


Muito mais do que informar das regras e combinados, esse momento fortalece e esclarece sobre a obra de São João Calábria e as oportunidades de futuro enquanto cidadãos e o sentimento de pertença. Outro fator que levamos em consideração é que o jovem e criança, procura referências, procura por pessoas talvez conhecidas ou aquelas que demonstram o quanto ele é importante.


A conversa foi clara e objetiva, fazendo com que todos se sentissem à vontade para questionar, sanar dúvidas e acima de tudo com muita vontade de permanecer por muito tempo na família calabriana.


Sessão Cinema (A história de Ron Clark)


Na primeira quinzena de outubro, os educadores Jorge Ortis e Michela do Trabalho Educativo Lanches Rápidos e Módulo Básico utilizaram como referência e valores éticos um filme baseado em fatos reais, onde é mostrado a realidade da relação de um professor pedagogo, da Carolina do Norte EUA, e a realidade de muitos educandos rebeldes do subúrbio de Nova York.


Os jovens do filme sofrem preconceitos por não serem compreendidos, prejudicando-os nos estudos, mas com até a chegada do professor Ron Clark os alunos vencem seus medos e se tornam vencedores, construindo com disciplina e superação a sua própria história.


Após o filme, os educadores realizaram um debate com os educandos sintetizando a relação professor / aluno com a aceitação das propostas pedagógicas como meio de aprendizado.

Jogos de atenção no Trabalho Educativo


No primeiro dia do mês de outubro, os educandos do Trabalho Educativo foram desafiados para uma série de jogos de atenção. Nessa atividade, os participantes deveriam seguir orientações verbais, ou manter a sincronia de movimentos conforme solicitado. 


O educador Denis Biavatti explica que esse tipo de atividade faz com que os educandos trabalhem em si a atenção, otimização do tempo de resposta a estímulos, lateralidade e coordenação motora, entre outras valências. 


"É importante para os jovens esse tipo de trabalho, que tem o intuito de elevar o padrão de excelência na execução das atividades propostas. Isso é algo que vai ajudar muito no futuro desses jovens", explica o educador. 


Receita de rissoles é tema na padaria do Calábria


Em mais de um momento de aprendizado, educandos dos projetos Educação Integral e Trabalho Educativo Lanches Rápidos relembram a receita do salgado de massa cozida, “o Rissoles”.


“Este tipo de lanche é o preferido da garotada, apesar dos esforços do educador Jorge Ortis da oficina Lanches Rápidos em inserir alimentos saudáveis no aprendizado dos educandos, ainda se encontra resistência por parte de alguns que preferem consumir produtos industrializados ou até mesmo as frituras”, revela Jorge Ortis.


Segundo o educador, a construção de alimentação saudável e a retirada das frituras do cardápio se faz necessário, porém tem que ser gradual, trazendo ao conhecimento dos educandos os males da má alimentação ao nosso organismo.


No seguimento das atividades foi apresentado a divisão da pirâmide alimentar e seus benefícios, o que contribui para uma reeducação alimentar adequada.