quarta-feira, 6 de junho de 2018

Informática do Calábria contribuí para aprendizagem interdisciplinar

Para iniciar o mês de junho, os educandos do projeto Educação Integral - Saberes da Esperança, começou a trabalhar a temática racismo, preconceitos e comunicação e expressão.


A atividade foi realizada na oficina do educador de informática Rafael Moreira, onde os nossos beneficiários estão realizando leitura, interpretação de texto e formatação.
O mês de junho vem com a proposta de debater preconceitos e propor aos educandos reflexão de que todos somos iguais. 


“Durante este mês, vamos nos valer mais uma vez da Campanha da Fraternidade, com o seu lema em Cristo somos todos irmãos. Combater qualquer forma de preconceito é uma maneira de frear a violência”, salienta Rafael Moreira.
O educador apresentou para a turma o vídeo “Ninguém Nasce Racista” https://www.youtube.com/watch?v=FsVnlWd1Zrs e realizou um debate com as turmas a respeito dos preconceitos.

Os educandos trabalham, ainda, com o texto do escritor Luís Fernando Veríssimo, “Racismo”, que trata de uma relação entre patrão e empregado onde o patrão nega que seja racista, mas tem atitudes e falas racistas.


Segundo o educador, o texto vai servir para: 1- realizar uma boa interpretação de texto; 2- usar do software Word para formatar o texto de forma que se possa corrigir erros ortográficos, tamanho da fonte e tipos de letra; 3-Contribuir para uma ação interdisciplinar (Interpretação de texto e auxilio a uma escrita sem erros).

 “Gosto muito de trazer elementos das disciplinas que os educandos estão vendo na escola para aproximá-los cada vez mais do conhecimento. Acredito que aquele conteúdo que o professor dele falou na aula pode ser visto pelo aluno na aula de informática”, ressalta o educador da turma.

A atividade foi concluída com os textos formatados e com a interpretação realizada por todos através de perguntas feitas pelo educador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário