segunda-feira, 30 de abril de 2018

Experiência em sala: cores de pele

 “Muitos educandos costumavam chamar a cor do lápis salmão de ‘cor de pele’, mesmo que essa não representasse a cor da sua pele. Então as turmas M1 e T1, do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, fecharam o projeto das cores, do mês de abril, com uma semana sobre as cores de pele.


Conversaram e refletiram sobre as diferentes cores de pele que temos na turma e perceberam que não existe uma mais bonita que a outra e que não devemos julgar uma pessoa apenas por sua aparência.


Na quarta-feira, dia 25 de abril, os educandos misturaram diferentes cores de tintas até cada um achar o tom da sua pele e com isso fez um autorretrato, percebendo que o termo ‘cor de pele’ pode variar muito de pessoa para pessoa” – atividade proposta e relatada pela educadora Flávia D’arco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário